Uma bela surpresa de Natal

Não, isso não é uma miragem. Você realmente está vendo a nova geração da Frontier (chamada em alguns mercados de Navara) com placas brasileiras. Sim, ela está entre nós. E o melhor: já está a venda. Como um presente de Natal, nesse dia 24, a Nissan surpreende os brasileiros com o início da venda da nova geração de sua picape média, trazida da Espanha. Denominada pela marca como “Frontier Limited Edition”, faz parte da estratégia da marca em atacar vários níveis distintos de mercado. Nesse caso, a Nissan tenta fisgar as pessoas a fim de gastar 130mil reais – mais precisamente, R$129.765, ou 30mil a mais que a Frontier nacional mais cara – na picape mais luxuosa e recheada de mimos que nosso país já viu, incluindo aí a grandalhona Dodge Ram.

Entre os equipamentos de série, ela traz bancos em couro com aquecimento, ar-condicionado com duas zonas de temperatura, airbags frontais, laterais e de cabeça, piloto automático, freios ABS com BAS, CD-changer com controles no volante, entre outros. Opcionalmente, ainda pode ser equipada com sensor de chuva, rodas de 17 polegadas e barras no teto.

Seguindo o design dos novos Nissan, a picape surpreende pelo porte das suas linhas vincadas

O que empurra esses equipamentos todos é um common-rail diesel, com turbo e intercooler, de 2.5 litros, 174 cavalos e 41kgfm de torque. O câmbio é automático, e a tração, 4×4 acionada por botão no painel. O única configuração escolhida para o Brasil é a cabine dupla.

No design, ela é a cara da Pathfinder, literalmente. A nova picape segue o estilo exterior e interior dos novos Nissan, com contornos vincados, quadrados e parrudos. Mais espaçosa que uma Hilux, ainda traz, de quebra, número de porta-obejtos digno de minivans, no console, portas e até debaixo dos bancos, vários porta-copos e um porta-óculos.

Aqui, dificilmente alguém se sentirá numa picape. O conforto é de sedan, o espaço e vários porta-objetos, de minivan. O requinte e equipamentos surpreendem.

A “série” é limitada a 200 unidades, e serve para a Nissan testar a receptividade do nosso mercado de picapes luxuosas. Se o estoque se esgotar rapidamente, porém, são grandes as chances da picape vir a ser importada normalmente. Melhor, ela será feita no Brasil em 2008, oferecendo motores menos potentes, menos equipamentos e mais configurações de acabamentos, para se tornar acessível a uma parcela maior dos amantes de picapes. Ainda, a Nissan deixa bem claro, desde já, que a nova geração da Frontier não mata a atual, que continuará sendo feita exatamente como é oferecida hoje.

Texto: Adriano Vieira

Nesse dia 24, todos nós da equipe AutoDiário desejamos um Feliz Natal a todos os leitores de nosso site, uma ceia farta, e, claro, um belo carrão na garagem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: